A feminidade no século XXI

Olá a todas! Hoje trago-vos um artigo sobre a feminidade no século XXI, mais do que partilhar a minha opinião, este artigo serve também como desabafo.

Não sei o que se passa com estas novas tendênciasRalph & Russo Spring 2019 – Haute Couture Collection, o que eu sei é que o corpo feminino virou um puro objeto sexual, paradigma pelo qual todos os feministas têm lutado para aniquilar.

Vejo pelo exemplo que a mídia divulga e pelo que é partilhado nas redes sociais. O que vemos são corpos a serem expostos em roupas tipo lingerie, transparentes, ou quase inexistentes. E por consequência miúdas de 14 anos, como a minha irmã, a acharem que é cool andar de crop top e calções tão curtinhos que se vêm as nádegas.

Não acho que devemos julgar os outros pela roupa que vestem, longe disso, simplesmente acho que os padrões de “beleza” da sociedade moderna têm se transformado numa autentica palhaçada.

Todos devemos poder exprimir livremente a nossa personalidade, seja através da roupa, da nossa forma de viver ou da nossa maneira de ser. O que eu acho chocante é a mensagem que passamos aos jovens. A mensagem de que quanto mais o corpo é exibido mais atraentes somos, mais sexy nos tornamos.

Desde quando é que andar com as partes intimas quase à mostra é ser sexy? Existem leis que regulam este tipo de imagem, chamam-se Atentado ao pudor.

Continuar a ler